Pesquisar Benfic@holic

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Alex Ferguson não esqueceu os erros de arbitragem no jogo com o Porto


O antigo treinador do Manchester United, Alex Ferguson, continua a dar que falar com a sua recente autobiografia onde relembra várias passagens ligadas ao futebol português, nomeadamente os confrontos da Liga dos Campeões com o FC Porto de José Mourinho.

Em relação à eliminação do Manchester United nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões na época 2003/2004, Alex Ferguson não esqueceu os erros de arbitragem que tiverem influência no resultado final e não poupou nas críticas à equipa de arbitragem.

«Nos jogos da Champions League, os árbitros têm imensa arrogância porque sabem que no fim de semana seguinte estão longe de nós, a arbitrar no país deles. Perdi duas eliminatórias europeias contra equipas de José Mourinho, mas não foi por causa da performance dos jogadores - mas, sim, por causa do árbitro. O jogo de 2004 frente ao FC Porto foi inacreditável. E a pior decisão nem foi o facto de ele ter invalidado um golo limpo do Scholes que nos daria o 2-0. A poucos minutos do fim, Ronaldo foi derrubado pelo defesa-esquerdo do FC Porto. O juiz de linha assinalou a falta, mas o árbitro mandou seguir. O FC Porto contra-atacou e ganhou o livre que acabaria por resultar no golo do empate», escrever Ferguson no seu livro.


(via sapo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...